Riad libera as fotos do pesqueiro iraniano que tentava entregar armamento pesado aos xiitas do Iêmen, e Teerã ameaça retaliar

barcoiranianoABREABRE

Imagens aéreas do pesqueiro iraniano ao ser localizado (em alta velocidade) e da mesma embarcação, já parada, à espera de uma equipe de abordagem das forças navais da Coalizão

Um porta-voz da Administração iraniana voltou a negar, nesta quinta-feira, que seu governo tenha alguma ligação com o carregamento militar apreendido no último sábado (26.09) dentro de um navio de pesca de bandeira e matrícula iranianos, apreendido por forças navais da Coalizão liderada pela Arábia Saudita a cerca de 150 milhas (uns 248 km) do porto de Salalah, que fica no litoral do Sultanato de Oman – extremo oriental da Península Arábica –, perto da fronteira deste país com o Iêmen.

Ontem, em Riad, uma fonte militar afirmou que a carga – projetis de artilharia de diversos tipos e calibres, lança-rojões, foguetes anti-tanque e fuzis-metralhadora – tinha como destino os rebeldes da etnia houthi que lutam contra os sauditas e seus aliados pela dominação do território iemenita.

barcoiraniano2

A sequência mostra caixas de munição, foguetes anti-tanque, lança-rojões e armamento portátil tirado dos porôes do pesqueiro e depositado no convés da embarcação, ainda em alto-mar

In this image posted on the official Twitter account of the Saudi Press agency, SPA, Tuesday, Sept. 30, 2015, confiscated weapons are seen aboard an Iranian fishing boat bound for Yemen. The Saudi-led coalition battling Yemen's Shiite rebels says it has foiled an attempt by Iran to smuggle missiles and other weapons to the rebels aboard a fishing boat. The coalition says in a statement released Wednesday that the seizure took place on Saturday some 241 kilometers (150 miles) southeast of the Omani port of Salalah. (Saudi Press Agency via AP)

barcoiraniano7fuzis

A mesma fonte liberou as primeiras fotos do navio de pesca capturado, e do material militar que era transportado – imagens que a coluna INSIDER reproduz.

No início da semana esse carregamento foi transferido para o destróier americano Forrest Sherman, que se encontra de serviço no Golfo Pérsico e está temporariamente baseado no Bahrein – sede da V Frota dos Estados Unidos.

Projetis – A carga foi inventariada, e nela foram encontrados, entre outros itens, 18 projetis penetrantes em blindagens do tipo Concourse, 54 projetis anti-tanque BGM17 e quatro sistemas de guiagem de fogo de artilharia.

barcoiranianomapa

A Coalizão liderada pela Arábia Saudita conta com o apoio de tropas, navios e aeronaves do Bahrein, do Qatar e do Egito. Nos últimos meses, esse agrupamento de forças vem tentando devolver ao Poder no Iêmen o presidente Abd-Rabbu Mansour Hadi, aliado da Família Real Saudita.

A tripulação do barco capturado no fim de semana, formada por 14 iranianos, continua detida pelos militares sauditas. Entre a documentação que se encontrava em poder dessas pessoas estava uma licença para a atividade de pesca em alto-mar, emitida por autoridades iranianas de forma, aparentemente, regular.

O Líder Supremo do Irã, Aiatolá Ali Khamenei pediu que a Arábia Saudita apresente desculpas pelos atos que vem cometendo contra nacionais da República Islâmica do Irã.

Em Teerã, uma fonte militar declarou à imprensa local que poderão vir a ser tomadas “providências especiais”, capazes de garantir o trânsito “livre e seguro” de embarcações civis iranianas – o que analistas ocidentais interpretaram como uma advertência de que a Marinha do Irã pode passar a patrulhar as águas do Golfo Pérsico, criando um novo foco de tensão entre Teerã e Riad.

barcoiranianopatrulheirosaudita

Lancha-patrulha da Coalizão comandada pela Arábia Saudita patrulha as águas do Golfo Pérsico

Somália – Nesta quarta-feira, um porta-voz da V Frota também anunciou que, na sexta-feira passada (25.09), a Força Marítima Combinada do Golfo que é integrada, entre outras marinhas, pela US Navy, interceptou em águas internacionais do Mar Arábico do Norte, um pequeno cargueiro sem documentação que fazia uma travessia de forma inteiramente clandestina e levava armas para a Somália.

Nos porões da embarcação foram encontradas armas anti-tanque de origem iraniana e russa. Nesse caso o material foi apreendido mas a tripulação foi liberada.

Fonte: Plano Brasil

Anúncios

Sobre Joshua Duarte

Gosto de Filmes e livros de ficção, fantasia (principalmente Héry Póty), história e + ou - Best Seller. Odeio Gente idiota, ignorante, Poser, e que só sabe falar bem ou mal de PT e PSDB, pq pra mim é tudo a mesma bosta. Haaaaaa!!! Quase que eu esqueço, adoro rock e odeio funk, por mim, poderia cair um raio em cima de tudo que for funkeiro.

Publicado em 10/02/2015, em Guerras, Mundo, Oriente Médio e marcado como , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. COM QUEM SERA QUE ELES APRENDERAM A FAZER ISSO? ATE O IRÃ RECEBEU SUAS CENTRIFUGAS PARA BENEFICIAMENTO DE URÂNIO DE UMA NAÇÃO DA AMERICA DO SUL DE MANEIRA CAMUFLADA EM NAVIO CARGUEIRO.

    Curtir

Esse espaço é para debate de assuntos relacionados ao Blog, fique á vontade para comentar!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: