Para evitar uma crise militar, presidente assinará decreto revogando decreto assinado há menos de uma semana


O governo de Dilma virou uma requintada casa de mãe Joana


Dilma no desfile de 7 de setembro de 2015

Ricardo Noblat

Última forma: como previ ontem aqui, não bastava que Jaques Wagner, Ministro da Defesa, assinasse uma portaria devolvendo aos comandantes militares as atribuições que lhes foram tiradas por um decreto assinado por Dilma alguns dias antes do Sete de Setembro.

Portaria de ministro não revoga decreto presidencial. E quem delega poderes pode deixar de delegar.

Wagner rendeu-se à pressão dos comandantes e negociou com Dilma a publicação no Diário Oficial de um novo decreto. Nele, a presidente dará o dito pelo não dito.

O assunto não repercutiu tanto graças à boa vontade da mídia com o governo quando se trata de alguma trombada dele com a área militar. Isso é cacoete adquirido durante a ditadura de 64. Excesso de zelo. Medo da farda.

De resto, a perda pelo Brasil do selo de bom pagador salvou Dilma de ser responsabilizada por uma das maiores trapalhadas já cometidas por um presidente da República nos últimos 12 anos.

A secretária-geral do Ministro da Defesa, petista de raiz e mulher do segundo mais importante executivo do Movimento dos Sem Terra, aproveitou uma viagem de Wagner à China para desengavetar uma proposta de decreto que dormia há mais de três anos.

A proposta foi despachada para a Casa Civil da presidência da República com a assinatura do ministro interino da Defesa, o comandante da Marinha. Dali foi parar nas mãos de Dilma, que a assinou.

O comandante da Marinha jura que não assinou coisa alguma. Ora, a assinatura dele terá sido falsificada?

Os comandantes do Exército e da Aeronáutica juram que não foram consultados sobre o decreto presidencial.

Ora, como a presidente assina um decreto que subtrai poderes dos comandantes militares sem sequer se dar ao trabalho de consulta-los a respeito?

E como tudo isso pôde acontecer e ninguém ser punido pelo vexame da presidente ser obrigada a assinar um decreto que anulará outro decreto assinado por ela há poucos dias?

O governo de Dilma virou uma requintada casa de mãe Joana.

Fonte: O Globo

Sobre Joshua Duarte

Gosto de Filmes e livros de ficção, fantasia (principalmente Héry Póty), história e + ou - Best Seller. Odeio Gente idiota, ignorante, Poser, e que só sabe falar bem ou mal de PT e PSDB, pq pra mim é tudo a mesma bosta. Haaaaaa!!! Quase que eu esqueço, adoro rock e odeio funk, por mim, poderia cair um raio em cima de tudo que for funkeiro.

Publicado em 09/10/2015, em Brasil, Notícias e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. eadem@ig.com.br

    Não virou “casa da mãe Joana” coisa nenhuma!

    A casa da mãe Joana era um puteiro respeitado e nela nem os marechais e magistrados botavam banca.

    No desgoverno Dilma, uma puta terrorista rameira dos sem-terra aproveita um cochilo dos milicos displicentes e desatentos e empurra um decreto pra a presidanta irresponsável assiná-lo sem lê-lo ou pelo menos, sem entendê-lo porque simplesmente essa vaca atolada NÃO É DO RAMO! O ramo da Dilma é assalto a bancos, assassinato de indefesos e prostituição! Mesmo ramo do Luladrão, que é perito em esvasiar garrafas de pinga e depois de bêbado chupar rolas e soltar a rosca já grisalha porém sempre sebosa e fedorenta.

    Falem o que quiserem da quadrilha PT e seus bandidos, pois eles são sórdidos e merecem todo repúdio e anátema. Mas não desonrem o bom e respeitável bordel de putas fajutas da honrada Mãe Joana, porque esse bordel merece mais respeito do que qualquer coisa que estiver no Planalto.

    Curtir

  2. Marcelodellapoor

    Brasil não muda nem a cara dos que poderiam assumir no futuro próximo ai esta uma questão, vendo este tema ainda fica uma pergunta qual será o próximo salvador da pátria, (PUB) (PMDB), PSDC, PSD esta ideologia existe na prática? Esta é uma pergunta que fica para o leitor pensar e responder para si mesmo ai a quantidade deles é grande e não dá sinais que irão diminuir ainda modo a institucionalizar o crime, pois os grupos econômicos, ao patrocinarem a eleição de Presidente, Governadores, Prefeitos etc., assim o fazem como é natural, sob a condição de obterem financiamentos graciosos, participarem de licitações premiadas, privatizarem o espaço público, multiplicando lucros assim se segue a vida futebol cerveja carnaval tudo por esta cultura do boi ou chifrudo, as maracujás continuam anunciando um verso venenoso apesar das fraudes insistimos em perpetuar determinados criminosos no poder, e a tudo assistimos passivamente o caso que se juga e a Dilma, mas será que ela e única e o partido os únicos fatores que levarão a runa social e industrial do Brasil, porque então possibilitam o crime e mudá-las radicalmente, pois problemas estruturais demandam intervenções também estruturais e não apenas intervenções sobre indivíduos que fazem parte, mas o senado e outros partidos são eles inocentes ou estarão se aproveitando do momento para que lave a roupa suja sobre o atual partido PT como o único vilão de tudo que acontece, e depois quem serão os libertadores esses negocial seus próprios salários e auxílios milionários e esses que vocês colocam a esperança, o povo tem memoria muito curta, democracia liberdade em troca de nada, o povo brasileiro acredita ser livre, mas está enganado: é livre apenas durante as eleições dos membros do Executivo e do Parlamento, pois, eleitos os seus membros, ele volta a escravizar, enquanto nos formos um povo não patriota enquanto eles fazem a farra das privatizações em que eles mesmos tem privilégios, e jogão a conta do mercado em nossos impostos, você paga carro zero, mas caro do mundo paga moto, mas cara do mundo, seu celular etc., em fim a, mas em jogo do que apenas uma partida presidente Dilma e apenas uma peça para manipular a opinião dos insatisfeitos, mas contentes com sistema liberal.

    Curtir

  3. O governo de Dilma virou uma requintada casa de mãe Joana. VERDADE SEJA DITA. NÃO SE FAZEM MAIS GENERAIS COMO EM 1964. Quanto a casa de mãe Joana! Esta exatamente como os “eleitores” de carteirinha, analfabetos que aprenderam “desenhar” o nome numa folha de Papel e apertar os Botões de Urna Eletrônica preparada para dar sempre o Resultado Planejado para os Caciques Petralharista Bolivariano Castro Moreno Evo.

    Curtir

Esse espaço é para debate de assuntos relacionados ao Blog, fique á vontade para comentar!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: