Para quem ainda não entendeu direito o lance do Gripen


Futuro caça da FAB terá capacidade única no Hemisfério Sul


Quando o primeiro Gripen NG for entregue ao Brasil, em 2019, o país será o único do Hemisfério Sul a ter aeronaves com capacidade de realizar o chamado “voo supercruzeiro”. Isso significa poder manter a velocidade supersônica não apenas durante curtos combates aéreos, mas durante voos de longa duração.

  Sargento Johnson Barros / Agência Força Aérea

Uma maquete em tamanho real do Gripen NG esteve em exposição na Esplanada dos Ministérios, em Brasília.

Na prática, aviões de caça só voam acima da velocidade do som quando estão em combate. Com o Gripen NG será diferente. A partir da Base Aérea de Anápolis (BAAN), no interior de Goiás, as aeronaves poderão viajar para qualquer região do País a velocidades supersônicas. O alcance será de quatro mil quilômetros, podendo ainda ser reabastecido em voo (REVO).

Essa nova versão, ainda em desenvolvimento, levará 40% a mais de combustível que os Gripen atualmente em uso na Suécia. “Embora possam ser similares ao olhar, podem ser consideradas aeronaves completamente diferentes”, explica o Capitão Gustavo Pascoto, piloto da Força Aérea Brasileira (FAB) que acaba de voltar de treinamento com a Força Aérea na Suécia.

A fuselagem é semelhante, mas nem ela é igual: o Gripen NG é maior, tem uma asa aprimorada, e possui um novo design de trem de pouso para suportar duas toneladas a mais de peso máximo de decolagem e ter mais dois cabides para armamentos. O motor também é novo. O F414G é mais potente, com potência de até 22 mil libras.

Para o Capitão Gustavo, o Gripen NG representa um salto em relação as aeronaves atualmente usadas na defesa aérea. “É a conjugação de uma performance elevada, de uma característica de aceleração de capacidade de voo supersônico, de voo em altas altitudes”, afirma.

Ouça a entrevista completa

Considerado leve se comparado a outras aeronaves, o Gripen foi criado também para operar a partir de estradas ou pistas de pouso pequenas: bastam 500 metros para o pouso. Com a proposta de conseguir levar seus caças para longe das suas bases, algo que o Brasil também faz na região amazônica, o projeto sueco tentou facilitar ao máximo o trabalho de manutenção. A ideia foi reduzir o chamado turnaround, que é o tempo necessário para a aeronave ser rearmada e reabastecida para voltar ao combate.

De acordo com a Saab, é possível que em menos de 10 minutos um Gripen NG pouse, faça seu turnaround, e decole para outra missão. Uma das soluções de engenharia adotadas, por exemplo, foi bastante simples: para preparar o caça para o voo não é necessária sequer uma escada. Todos os painéis de acesso aos componentes ficam em uma altura adequada para o trabalho de uma pessoa em pé. Mesmo procedimentos mais complexos, como a troca da turbina, podem acontecer em menos de 60 minutos.

Com a dispersão das aeronaves, um esquadrão pode pousar em vários locais diferentes, mas, no céu, os pilotos estarão totalmente integrados. Desde a sua concepção inicial, o Gripen foi pensado para atuar na chamada Guerra Centrada em Redes, quando esquadrilhas inteiras voam conectadas digitalmente por datalink. Um Gripen que voa em uma posição estratégia, por exemplo, pode compartilhar os dados dos seus sensores com todas as demais aeronaves. É possível até um avião lançar um míssil com base nas informações repassadas por outro. Não foram divulgados até agora quais armamentos devem integrar o pacote de aquisição, mas é certa a operação dos mísseis ar-ar A-Darter e antirradiação MAR-1, ambos de desenvolvimento nacional. Estão acertadas as compras de radares AESA, capazes de monitorar alvos no ar, no solo e no mar ao mesmo tempo, e do IRST, um sistema de busca de alvos pelo espectro infravermelho.

Parte dessas tecnologias, como o radar, ainda estão em desenvolvimento. A Saab planeja para 2016 a apresentação do protótipo, enquanto uma aeronave de ensaio realizou até agora mais de 300 voos, inclusive para confirmar a capacidade de supercruzeiro. De acordo com o cronograma, engenheiros brasileiros já participam do desenvolvimento e vão integrar as equipes de avaliação e certificação. Em 2018 e 2019, respectivamente, a Suécia e o Brasil poderão receber seus caças.

Essa será a primeira vez em que a FAB receberá uma aeronave de defesa aérea que também será novidade em seu país de origem. Por exemplo, quando os Mirage foram recebidos, em 1973, a França já operava o modelo havia nove anos. Dessa vez, nem a Suécia tem ainda algo semelhante ao que o Brasil terá.

Anúncios

Sobre Joshua Duarte

Gosto de Filmes e livros de ficção, fantasia (principalmente Héry Póty), história e + ou - Best Seller. Odeio Gente idiota, ignorante, Poser, e que só sabe falar bem ou mal de PT e PSDB, pq pra mim é tudo a mesma bosta. Haaaaaa!!! Quase que eu esqueço, adoro rock e odeio funk, por mim, poderia cair um raio em cima de tudo que for funkeiro.

Publicado em 07/24/2015, em armamentos, Armas Brasileiras, Brasil, Gripen, Notícias, Tecnologia e marcado como , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 5 Comentários.

  1. Legal muito bom analise.

    Curtido por 1 pessoa

  2. eadem@ig.com.br

    Que ótimo! Maravilha! Assim que os cinco primeiros Grippen chegarem ao Brasil já poderemos declarar guerra aos EUA, vencermos os americanos, invadiremos àquela merda e todos ganharemos a cobiçada cidadania estadounidense com direito Green Card e tudo o mais, de graça!

    Ah sim! E por que tudo isso só quando chegarem os cinco primeiros Grippen? Explico…

    Sendo um avião tão superior, tão machão, tão viadão, tão tão, é claro que seremos os maiores do mundo e aí usaremos o primeiro Grippen pra enfrentar à poderosa USAF, o segundo enfrentará a USNavy, o terceiro enfrentará os US Marines Corps e o quarto enfrentará tudo o que voar pertencente ao USArmy.

    Ah sim! O quinto Grippen, né?

    Pois é! Como até lá o Brasil ainda estará nas garras da quadrilha PT, o quinto Grippen servirá pro Luladrão se mandar do Brasil levando toda a grana que puder, caso a guerra que a Dilma declarar aos EUA dê errado.

    Entenderam?

    Agora chupem até os Grippen chegarem!

    Curtir

  3. Tem dia que a “loucura” tem lógica. ESSE é um dos raros momentos onde também concordo. Pra que tanto preparo para uma Batalha Aérea, se nem sabemos com quem.
    Como sempre comentei aqui nesse espaço, observando pelo lado Atlântico temos toda Costa Oriental Africana que salvo engano meu não estão em condições de nos ameaçar sequer nosso Pre-Sal, que ja é muito caro para nós e não compensa extrai-lo com lucratividade Financeira.

    Vendo pelo lado oposto, nossos vizinhos ja estão todos solidarizados com o Partido dos Tontos “PT” Ate mesmo o possível “valente Guerrero” Índigena, ja foi comprado com Uma Refinaria de Petróleo Novinha em Folha; presente esse que passou dissimulado como “APROPRIAÇÃO”. Q que na real foi presenteado por esse verme Molusco 9 Tentáculos e sua Discípula Lacráia.

    Diante de tais fatos, so resta empregar essa poderosa Força nos Morros e Favela de todas Capitais dos Estados Brasileiros. E não esquecer de iniciar os Bombardeios na parte Central onde se homiziam os “vérmes”(ha exceção de uns 00,1%) sangue sugas de toda Riqueza da Nação Brasileira.

    Diante da ínfima porcentagem de honestos (00,1%) não vale a pena avisa-los do ataque, não sera assim uma perda lamentável.

    Curtido por 1 pessoa

  4. BRASIL! Abaixo só de DEUS! E beijinho no ombro do recalque.

    Curtido por 1 pessoa

  5. O QUE É URGENTE P/ BRASIL, É PENDURAR EM PÇ PÚBLICA OS GRIPPEN QUE ESTÃO ASSALTANDO ATRAVÉS DO MENSALÃO DO LAVA JATO DOS FINACIAMENTOS INDEVIDOS DO BNDE E ETC. POR CAUSA DESSES ASSASSINOS A SAUDE E A EDUCAÇÃO ESTÃO FALIDAS. BASTA VISITAR QUALQUER HOSPITAL DO BRASIL P/ VER OS CORREDORES ABARROTADOS DE MACAS SEM NENHUMA ASSISTÊCIA. ESSA É A VERDADEIRA AMEAÇA QUE ESTÁ INFELICITANDO O POVO BRASILEIRO.VAMOS REZAR P/QUE DEUS RESSISCITE O SAUDOSO GEN. CASTELO BRANCO

    Curtir

Esse espaço é para debate de assuntos relacionados ao Blog, fique á vontade para comentar!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: