Intervenção árabe no Iêmen vai até ‘rendição’ de rebeldes xiitas

A intervenção militar da coalizão de países liderados pela Arábia Saudita no Iêmen não vai acabar até que os rebeldes xiitas huthis tenham “entregado suas armas”, e se retirado dos territórios que ocupam – anunciou neste domingo (29) o chefe da Liga Árabe.

Riad está à frente de uma coalizão militar de uma dúzia de países árabes, que começou na quinta-feira a realização de ataques aéreos contra os huthis, uma milícia supostamente ligada ao Irã e seus aliados.

“A operação vai continuar até que as milícias huthis aposentem e entreguem as armas”, disse o secretário-geral da Liga Árabe, Nabil al-Arabi, em Sharm el Sheikh, Egito, no segundo e último dia de uma cúpula dos chefes de Estado da organização pan-árabe.

Eles aprovaram neste domingo uma resolução que cria uma força conjunta militar para combater “grupos terroristas” na região

Fonte: G1.

Publicado em 03/29/2015, em Notícias e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. eadem@ig.com.br

    Os xiítas huthis tomaram o poder no Iêmen, cujos governantes sabujos eram tradicionais aliados dos ingleses e americanos, além de bajuladores de Israel e é claro, colaboradores com a corrupta e sanguinária família real Saudi, que é ditadora na Arábia há uma pá de tempo.

    Foi só ocorrer essa invasãozinha para acender todos os faróis vermelhos de alarme no Oriente Médio, já a braços com a teimosia síria e iraniana de manterem-se independentes do poderio e dominação yankee-israelense e a resposta veio dos próprios lacaios deles, dos oportunistas e geralmente covardes árabes sauditas, que pras não darem na vista diante da estúpida opinião pública ocidental, se apressaram em formar uma coalizão na qual os árabes e aliados arrumados às pressas se comprometeram em comprarem armas dos EUA e enviarem seus filhos para servirem como buchas-pra-canhões combatendo contra os jagunços aventureiros que haviam tomado o Iêmen.

    Essa estória de vencerem a guerra e exigirem rendição incondicional aos vencidos é coisa de gangster americano maçônico orientado por gurus judeus e afinal, tem uma pá de países muito mais fortes que os mendigos desgraçados que tomaram o poder no Iêmen que contudo, venderão caras as próprias peles porque sabem que estão mais que perdidos e na verdade, estão mesmo é F… mas deixa pra lá que a guerra é deles e esses desgraçados que se matem.

    Pena que não morrerão americanos nem israelenses, pois essa guerra foi inventada por eles nos sujos bastidores da politicalha internacional hoje na mão destes dois patifes integrantes do EIXO DO MAL formado por EUA, Israel, Inglaterra e meia-dúzia de países cafetões de ocasião aproveitadores de todas as crises.

    Curtir

  2. Para um bastardo tresloucado, tudo no mundo não presta. Parece que ele tem uma solução, Via outro mundo ou outra Galaxia para resolver o problema da humanidade. Se é árabe; não presta. Se é Judeu; não presta. Se é americano; não presta. Se é Alemão ; não presta. Se é Sul Americano; não presta. PORR@ Se é Russo; Não presta …Nada presta pra essa m3rd@. Toma um foguete e vai embora pra os confins do Universo e para de escrever bost@.

    Curtir

Esse espaço é para debate de assuntos relacionados ao Blog, fique á vontade para comentar!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: