10 motivos que podem derrubar Dilma, para o Financial Times

Dilma recebe ajuda da filha Paula Rousseff após colocar a faixa presidencial.

Dilma recebe ajuda da filha após colocar a faixa presidencial: “muita coisa errada está acontecendo no Brasil”, diz o FT


São Paulo – O jornal Financial Times (FT), o mais influente no mundo da economia e dos negócios, listou nesta quarta-feira 10 motivos para acreditar que o segundo mandato da presidente Dilma Rousseff não irá durar muito tempo.  

O texto lembra que, durante anos, opositores têm acusado o governo de incompetência nas áreas econômica e política. “Muita coisa errada está acontecendo no Brasil”, diz o artigo.

Eis os motivos pelos quais o FT acredita que a presidente Dilma pode sofrer um impeachment:

1 – Política

Um presidente brasileiro só sofre um impeachment se fizer algo flagrantemente errado, diz o FT. “Mas o que conta é a perda de apoio no Congresso”. A maioria governista no Congresso foi cortada na eleição, o que deixou a base aliada fragmentada e mais difícil de controlar, afirma o artigo. “Alguns membros a consideram uma intrusa oportunista”.

2 – Petrobras

Após o rebaixamento de ratings da Petrobras pela agência Moody’s, e diante das investigações de corrupção na estatal, a empresa seria, segundo o FT, o “pecado flagrante” no caso do Congresso se mobilizar por um impeachment: Dilma Rousseff foi presidente do Conselho de Administração da Petrobras quando parte da suposta corrupção ocorreu.

3 – Confiança do consumidor

“Os consumidores estão extremamente saturados”, diz o FT, citando levantamento da FGV que mostra queda no índice de confiança do consumidor para o menor nível desde 2005.

4 – Inflação

O FT lembra que a inflação no Brasil já foi de cerca de 3000% ao ano, 20 anos atrás. “Muitos são jovens demais para lembrar, mas outros não”, diz o texto, complementando que “alguns temem que o governo abandone a meta de inflação”, que está em 4,5% ao ano.

5 – Desemprego

A estimada perda de 26 mil empregos em janeiro, além da recente greve de caminhoneiros pelo país, mostram que “o desemprego é um grande desafio de popularidade para Dilma”, segundo o texto do FT. 

6 – Confiança do investidor

De acordo com o artigo, o governo está sendo forçado a vender cada vez mais títulos de contratos de dívida de curta duração, diante da preocupação dos investidores com a capacidade do governo em cumprir suas metas orçamentárias.

7 –  Orçamento

O FT cita o primeiro déficit orçamentário primário em mais de uma década em 2014, “efetivamente levando o país de volta aos dias sombrios antes de começar a implementar pelo menos uma aparência de disciplina fiscal”.

8 – Economia

Os investidores esperavam que a nomeação de Joaquim Levy para o Ministério da Fazenda iria mudar as coisas, diz o FT. “Mas a tarefa parece cada vez mais difícil”. “Levy tem aparecido como uma figura solitária”, afirma o texto.

9 – Água

A seca na região Sudeste também é apontada pelo FT como um motivo para o impeachment de Dilma: “a sensação de aproximação do apocalipse no Brasil é sublinhada por uma escassez de água que atinge a cidade de São Paulo”, diz o texto.

10 – Eletricidade

O FT cita a derrota do PSDB para o PT em 2002, dizendo que, “na última vez em que um governo foi derrubado (embora nas urnas, e não por impeachment), a principal causa foi o racionamento de energia elétrica”. Esse poderia ser mais um motivo para a saída de Dilma Rousseff da presidência.

Fonte: Financial Times e Exame

Sobre Francisco Santos

Francisco Santos é jornalista a mais de 5 anos, hoj é correspondente do Jornal Diário do Estado (Paraná), em seus momentos livres escreve para o Blog Alvo na TV, com colunas críticas, imparcial, profissional ao extremo e dedicad ao mundo da TV. É fundador e dono do Blog de defesa Guerra & Armas, que já conta com um crescimento considerável e esta prestes a se tornar um dos maiores Blogs de defesa do país, com compromisso e credibilidade o jornalista Francisco Santos mostra toda sua qualidade e amor ao que faz.

Publicado em 02/26/2015, em Brasil, Política e marcado como , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Não vai colar, porque precisa da entrada no processo de impeachment e Renan Calheiros esqueceu que o legislativo é separado do executivo e Eduardo Cunha é um covarde, sem contar que precisa de aprovação de 2/3 das duas casas do legislativo e a atual composição no congresso e senado é de maioria a favor do governo.

    Intervenção militar também não vai ser possível, já que o artigo 142 que define isso precisa do aval dos “representantes do povo´´ e isso também conta a presidência do Brasil.

    Curtir

  2. Apesar de todo transtorno que os Caminhoneiros podem causar a todos Brasileiros, sou da opinião de esses devem continuar endurecendo cada vez mais suas reivindicações, e causem a saída dessa maléfica incompetente do Governo.

    Ela é seu antecessor fizeram cartilha com Antonio Granci em tudo. Se vivo fosse Stalim se sentiria medíocre diante do “sucesso” com aval de eleitores idiotas apoiando a raça Petra-lhas. Mas estamos mais para crer que esses 3 últimos pleitos fora vencidos graças as Urnas Fraudadas.

    NOTA: Ver na Internet “A FARSA DAS URNAS ELETRÔNICAS”.

    Curtir

  3. eadem@ig.com.br

    Nunca votei nem votarei em esquerdistas pois são todos demagogos, hipócritas, oportunistas e cretinos. Muito menos em petistas pois não passam de escória humana composta por reles bandidos e ladrões. Óbvio que não votei na Dilma e por mim ela seria fuzilada juntamente com toda a malta petralhista e não apenas “impeachada”.

    Todavia, o bravo, impávido e sereno Financial Times é respeitado no exterior, onde seus amos e articulistas judeus pensam que entendem de economia do Primeiro Mundo. Mas em matéria de Brasil, esses otários ingênuos não entendem patavina e nem se dão conta disso.

    É que apesar desses alienados alinharem uma série de razões que poderiam redundar no “impeachment” da nossa anta presidanta (ou se preferir em vice-versa, nossa presidanta anta), aqui nesta porcaria de país lotado de analfabetos orientados por gurus das esquerdas ladravazes que assaltam à Nação existe um DETALHE que não foi levado em consideração…

    … “detalhe” esse que se chama BASTARDO E PROSTITUO ZÉ POVINHO BRASILEIRO, responsável não só pela reeleição de Dilma mas que seria capaz de, caso ela fosse defenestrada do Planalto, voltar a eleger o Luladrão em 2018.

    Logo, as bestas do FT não previram isto e aí é o fim da picada pra quem quer dar uma de tão… “entendido”!

    Sou mais eu!

    ==========

    Curtir

Esse espaço é para debate de assuntos relacionados ao Blog, fique á vontade para comentar!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: