Obama envia ao Congresso pedido de uso de força militar contra o EI

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, enviou ao Congresso nesta quarta-feira (11) um pedido de autorização para uso da força militar na campanha contra o Estado Islâmico, com operações limitadas a três anos e impedindo que as tropas norte-americanas fiquem travadas em “duradouro combate ofensivo no terreno” contra os militantes.

De acordo com o texto, Obama também quer revogar a medida de 2002 que autorizou a guerra no Iraque, mas sua proposta mantém em vigor uma autorização de 2001, aprovada pouco depois dos ataques de 11 de Setembro, para uma campanha contra a Al Qaeda e suas afiliadas.

Obama disse que permanece comprometido em trabalhar com o Congresso para “aperfeiçoar e, em última análise, revogar” a autorização de 2001. Ele disse que autorizar uma medida específica para enfrentar os combatentes do Estado Islâmico serviria como modelo para remodelar a medida de 2001.

“Direcionei uma estratégia completa e sustentada para degradar e derrotar o Isil”, escreveu Obama em uma carta acompanhando o pedido, usando a sigla pela qual o Estado Islâmico é descrito nos EUA.

“Forças locais, em vez de forças militares dos EUA, devem ser enviadas para conduzir tais operações”, acrescentou.

O pedido de Obama precisa ser aprovado pelo Senado e pela Câmara dos Deputados, onde deve provocar um intenso debate entre os democratas, que normalmente se posicionam contra uma nova guerra no Oriente Médio, e os republicanos, muitos dos quais têm feito pressão por uma campanha mais firme contra os militantes.

G1

Anúncios

Sobre Francisco Santos

Francisco Santos é jornalista a mais de 5 anos, hoj é correspondente do Jornal Diário do Estado (Paraná), em seus momentos livres escreve para o Blog Alvo na TV, com colunas críticas, imparcial, profissional ao extremo e dedicad ao mundo da TV. É fundador e dono do Blog de defesa Guerra & Armas, que já conta com um crescimento considerável e esta prestes a se tornar um dos maiores Blogs de defesa do país, com compromisso e credibilidade o jornalista Francisco Santos mostra toda sua qualidade e amor ao que faz.

Publicado em 02/11/2015, em EUA, Internacional, Oriente Médio e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 4 Comentários.

  1. Esse cabeçudo do Obama ainda não aprendeu que não se derrota ideologia. Pensamento não se pode escravizar. So porque alguem perde uma batalha não significa vitoria absoluta. General MC.´ARTUR SAIU DAS FILIPINAS E DEPOIS RETORNOU.

    Curtir

  2. eadem@ig.com.br

    Antes, sem consultar nem a própria mulher, o macaco orelhudo Burak Obanana, presidente dos EUA, já enviou milhares de soldados norte-americanos para a morte no Afeganistão e agora que a “parada é leve” ele faz média fingindo que pede permissão ao Congresso.

    O problema é que o presidente dos EUA quer aproveitar o conflito do ISIS (que aliás foi criado pra isso mesmo) para invadir à Síria e poder destruir as tropas de Assad, que não conseguiram ser derrotadas pelos opositores pagos pelos EUA e por Israel.

    Outro problema é que os EUA estão em franca decadência econômica, moral e social e uma nova guerra onerará mais ainda o desacreditado Tesouro Norte-Americanos. Burak Obanana acha que a vitória sobre o EUI é questão de dias e até já encomendou o foguetório pra comemorar a vitória.

    Nota: Mesmo que os EUA fracassem em mais esta empreitada militar como é seu costume, vai haver uma pequenba festa íntima para os soldados dios USA!

    Curtir

  3. espero que mande e acabem com esses merdad

    Curtir

Esse espaço é para debate de assuntos relacionados ao Blog, fique á vontade para comentar!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: