Relatório do Ministério da Defesa do Canadá alerta: Operação contra o EI exige invasão terrestre

Estado Islamico

Os aliados da coalizão internacional não serão capazes de destruir o Estado Islâmico somente através dos ataques aéreos contra as posições da organização terrorista, declarou o chefe de Estado-Maior do Canadá, o general Tom Lawson.

“Os ataques aéreos não causam danos necessários ao grupo. E há um amplo reconhecimento de que a pressão adicional sobre o Estado Islâmico ajudará as forças armadas iraquianas”, disse ele.

30-mil-a-50-mil-combatentes

Lawson acrescentou que para a implementação desta tarefa (trata-se da futura operação terrestre) os instrutores militares dos aliados treinarão os soldados no Iraque.

“Esta é a próxima etapa da estratégia”, disse o general, acrescentando que essa visão é compartilhada por outros membros da coalizão liderada pelos Estados Unidos.

FONTE: http://www.revistaoperacional.com.br/

Publicado em 10/18/2014, em Notícias e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 2 Comentários.

  1. Lawson acrescentou que para a implementação desta tarefa (trata-se da futura operação terrestre) os instrutores militares dos aliados treinarão os soldados no Iraque. (CITAÇÃO D MATÉRIA)

    Se durante muitos anos Sadan Hussein não foi capaz de ter um Exercito apto a defende-lo; como poderão agora retornar a rearma-los. Todos estamos lembrados do fiasco do Exército do Iraque na Guerra de 1992, quando estavam morrendo de sede no deserto, e esperaram os “inimigos” como tabua de salvação para não morrerem de sede.

    Segundo; porque ninguém vai ser louco de “asas” á cobra novamente.
    Terceiro; Não se muda uma ideologia por não se ser capaz de adivinhar o que vai por traz do “cérebro” de indivíduo.

    Apos á hipotética “vitoria” dos combatentes Iraquianos, Lawson terá que admitir que foram incompetentes sozinhos, e ainda terão que pedir aos seus “pupilos” soldados iraquianos; agora meninos; nos garantam o pagamento da ajuda que nos lhe prestamos, em petróleo barato para o Tio San e para nossos aliados.

    E tem mais, nos devolvam nossas armas que lhe “emprestamos”. Acha que tudo isso basta.

    Curtir

  2. eadem@ig.com.br

    Ora, ao invés de receitar o remédio pra crise alheia e não fazer nada, se os canadenses têm grana sobrando pra investirem a fundo perdido em material bélico e gente demais no país gerando problemas sociais, formem aí uma tropa com meio milhão de soldados e a manda lutar na Síria contra os novos, geniais e super-armados Gêngis Khan do século XXI que amedrontam o mundo! É simples assim…

    Curtir

Esse espaço é para debate de assuntos relacionados ao Blog, fique á vontade para comentar!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: