Antiaérea no Exercício CSAR 2014

O Segundo Grupo de Defesa Antiaérea participa do Exercício Operacional CSAR 2014 como força oponente inimiga. Os militares permanecem escondidos na mata e treinam como se estivessem em um conflito real.

Grupo de Defesa Antiaérea treina no Mato Grosso do Sul.

Treinamento faz parte da Operação CSAR 2014, exercício que simula resgate em combate.

O Segundo Grupo de Defesa Antiaérea (2º GDAAE) participa do Exercício Operacional CSAR 2014 como força oponente simulada.

Os militares estão no Campo de Instrução de Betione, do Exército Brasileiro, localizado no interior do Mato Grosso do Sul, onde permanecem em posições isoladas para tentar surpreender aviões e helicópteros com seus mísseis IGLA-S.

O 2º GDAAE também utiliza o radar móvel SABER M60 para localizar seus alvos.

FONTE: Força Aérea Brasileira Via Cavok

Sobre Francisco Santos

Francisco Santos é jornalista a mais de 5 anos, hoj é correspondente do Jornal Diário do Estado (Paraná), em seus momentos livres escreve para o Blog Alvo na TV, com colunas críticas, imparcial, profissional ao extremo e dedicad ao mundo da TV. É fundador e dono do Blog de defesa Guerra & Armas, que já conta com um crescimento considerável e esta prestes a se tornar um dos maiores Blogs de defesa do país, com compromisso e credibilidade o jornalista Francisco Santos mostra toda sua qualidade e amor ao que faz.

Publicado em 09/12/2014, em Exército e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Legal na Amazônia, esse equip. é imprescindível p uma boa atuação de defesa, e de fácil operacionalidade.

    Curtir

  2. APROVEITA PARA ABATER ALGUNS AVIÕES DE TRANSPORTES DE DROGAS. MAS CUIDADO SE AS DROGAS OU HELICÓPTEROS NÃO PERTENCE Á ALGUM POLÍTICO DE DESTAQUE, COMO O ULTIMO HELICÓPTERO QUE O DONO “NÃO” SABIA QUE O PILOTO TRANSPORTAVA DROGA NAS HORAS DE FOLGA.

    Curtir

  3. eadem@ig.com.br

    Se não se tratar só de exercício de tiro TEÓRICO e se a tropa realmente acertar os alvos (que só poderão ser AÉREOS), então, a defesa anti-aérea tática de ponto (a única praticada neste país) estará bem encamnhada mas… torçamos pra nunca haver uma guerra. Nem mesmo contra o Haiti. O Brasil estaria ferrado!

    Curtir

Esse espaço é para debate de assuntos relacionados ao Blog, fique á vontade para comentar!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: